Um site a serviço do Estado - Ano VII - Campo Grande - Mato Grosso do Sul
Canais: 
Busca rápida
Cadernos
CAPA
CLÍNICAS MÉDICAS
COMPRAS - PEDRO JUAN - PARAGUAY
ARTIGOS
SAIBA AONDE SABOREAR AS DELÍCIAS DA CAPITAL
POLÍTICA
CONSTRUÇÃO CIVIL NA CAPITAL
NOTÍCIAS/INTERNET/TEC
MUNDO
TELEFONES ÚTEIS
HISTÓRIA DA PIZZA
GUIA DO COMÉRCIO DE CAMPO GRANDE
BRASIL
NOTICIAS
POLICIA
FALE CONOSCO
MENSALÃO
ESPORTE NEWS
MOMENTO DE REFLEXÃO
SALMO 23 - 25
NOTA ZERO
NOTA 10
SAÚDE
GUIA DO COMÉRCIO DE CAMPO GRANDE
RIO DE JANEIRO
HOTELARIA
JUSTIÇA
ECONOMIA
HORA DO RISO/PIADAS
TRAGÉDIA
FISCALIZAÇÃO PMR
EDUCAÇÃO
OPERAÇÃO LAVA JATO
OPERAÇÃO NOTA ZERO
LAMA ASFÁLTICA
GAECO
SEGURANÇA PÚBLICA
POLÍCIA FEDERAL
OPERAÇÃO RIQUIXÁ
GGIFRON
JORNALISMO
Publicidade
Publicações
16/10/2019 08:39
Bombeiros confirmam a 1ª morte em desabamento de prédio no CE
Tragédia

Do R7

O homem de 30 anos estava no mercadinho ao lado do edifício Andrea, em Fortaleza; outras 9 pessoas foram resgatadas e 8 seguem desparecidas

Desabamento ocorreu na manhã desta terça-feira
Desabamento ocorreu na manhã desta terça-feira
R7 / Reprodução / CP

Um homem de 30 anos é a primeira vítima confirmada em decorrência do desabamento de um prédio residencial de sete andares, em Fortaleza, na manhã desta terça-feira (15). Em nota, a SSPDS (Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social do Estado do Ceará) confirmou que o Corpo de Bombeiros retirou no final desta noite o corpo de Frederick Santana dos Santos dos escombros.

Segundo os bombeiros, Santos estava no mercadinho que funcionava ao lado do edifício Andrea, no bairro Dionísio Torres. 

A SSPDS informou ainda que a família da vítima já foi comunicada e que recebe acompanhamento psicológico. Mais cedo, a SSPDS chegou a confirmar a morte de uma pessoa em decorrência do desabamento, mas no início da noite, o governador do Estado, Camilo Santana, negou o óbito.


Até o momento, nove pessoas foram resgatadas com vida dos escombros e outras oito continuam desaparecidas.

Desabamento

Após o desabamento, o governador cancelou a agenda, inclusive uma viagem que faria a Brasília, para retornar a Fortaleza. Camilo Santana informou, por meio de publicação na rede social, que estaria “retornando imediatamente para acompanhar a operação de resgate”. Na ocasião, determinou o “uso de toda a força operacional dos Bombeiros, Samu, Polícia Militar, Defesa Civil” e todos os demais órgãos estaduais que possam auxiliar no socorro às vítimas. No período da noite, já no local, Santana determinou que os 135 bombeiros que trabalham no resgate atuem 24 horas a fim de encontrar os desaparecidos.

Veja também:
Morre quarto bombeiro que combateu incêndio em boate no Rio
Operário diz que barragem teve vazamento meses antes de tragédia
Cantor pegou avião para fazer surpresa no aniversário da noiva
Sobe para 24 total de mortos na tragédia na Muzema, no Rio
Muzema: corpo da última pessoa desaparecida é encontrado
Número de mortos em desabamento de prédios no Rio sobe para 20
Chega a 18 número de mortos no desabamento no Rio de Janeiro
Sobe para 11 o número de mortos na comunidade da Muzema no Rio
Bombeiros encontram mais um corpo; número de mortos sobe para 10
Sobe para nove o número de mortes provocadas pelas chuvas no Rio
Brumadinho contabiliza 214 mortes após dois meses de tragédia
MP irá investigar ação de jovens de Suzano em fóruns extremistas
Presidência da República lamenta massacre em Suzano e oferece apoio
Polícia identifica jovens de 25 e 17 anos como atiradores em Suzano
Jovens usaram revólver e arma medieval durante ataque em Suzano
"Cena mais triste da vida", diz Doria após visitar escola em Suzano
Pesquisa Google
Pesquisa Google
Previsão do tempo
Publicidade
<
Copyright 2006 - 2019 JDCNotíciasMS. Todos os direitos reservados. Permitida a reprodução desde que citada a fonte.