Um site a serviço do Estado - Ano VII - Campo Grande - Mato Grosso do Sul
Canais: 
Busca rápida
Cadernos
CAPA
CLÍNICAS MÉDICAS
COMPRAS - PEDRO JUAN - PARAGUAY
ARTIGOS
SAIBA AONDE SABOREAR AS DELÍCIAS DA CAPITAL
POLÍTICA
CONSTRUÇÃO CIVIL NA CAPITAL
NOTÍCIAS/INTERNET/TEC
MUNDO
TELEFONES ÚTEIS
HISTÓRIA DA PIZZA
GUIA DO COMÉRCIO DE CAMPO GRANDE
BRASIL
NOTICIAS
POLICIA
FALE CONOSCO
MENSALÃO
ESPORTE NEWS
MOMENTO DE REFLEXÃO
SALMO 23 - 25
NOTA ZERO
NOTA 10
SAÚDE
GUIA DO COMÉRCIO DE CAMPO GRANDE
RIO DE JANEIRO
HOTELARIA
JUSTIÇA
ECONOMIA
HORA DO RISO/PIADAS
TRAGÉDIA
FISCALIZAÇÃO PMR
EDUCAÇÃO
OPERAÇÃO LAVA JATO
OPERAÇÃO NOTA ZERO
LAMA ASFÁLTICA
GAECO
SEGURANÇA PÚBLICA
POLÍCIA FEDERAL
OPERAÇÃO RIQUIXÁ
GGIFRON
Publicidade
Publicações
14/05/2019 09:25
RJ: polícias matam cinco pessoas por dia no primeiro trimestre de 2019
Policia

Agência Estado por Agência Estado

Números foram divulgados pelo ISP (Instituto de Segurança Pública) e representam um recorde para o período entre janeiro e março desde 1998

Especialistas apontam aumento de mortes como
Especialistas apontam aumento de mortes como "esperado"
Tânia Rego/Agência Brasil/ 14.05.2019

As Polícias Militar e Civil do Rio mataram 434 pessoas de janeiro a março deste ano, segundo o ISP (Instituto de Segurança Pública). Foram quase cinco (4,82) mortos por dia, recorde para o período na série estatística de 21 anos, iniciada em 1998. As mortes continuam no trimestre em curso.

Só em quatro dias de maio, da sexta-feira, dia 3, à segunda-feira, dia 6, pelo menos 13 pessoas morreram por ação policial: quatro no morro do Borel (zona norte), uma na Rocinha (zona sul) e oito nas favelas do Complexo da Maré (zona norte).


Especialistas mostram preocupação com a escalada de mortes. Ela começou, dizem, em 2018, durante a intervenção federal na segurança, e cresceu no governo Wilson Witzel (PSC), cuja política de segurança é de confronto com os suspeitos.

"Nós já vínhamos numa crescente, especialmente no ano passado, a partir da intervenção federal chefiada pelos militares", disse o sociólogo Ignacio Cano, coordenador do LAV/Uerj (Laboratório de Análises da Violência da Universidade do Estado do Rio de Janeiro). "Agora, com a nova política de extermínio oficializada pelo governo Witzel, o que caberia esperar era justamente isso. O contrário seria uma grande surpresa." O aumento foi de 18% sobre o primeiro trimestre de 2018, quando houve 368 mortos em supostos confrontos.

Moradores da Maré denunciaram que a operação na comunidade, auge da ofensiva policial nos primeiros dias de maio, incluiu disparos feitos a partir do helicóptero que sobrevoou o complexo. Imagens de estudantes uniformizados correndo pelas ruas das favelas para se proteger dos tiros circularam nas redes sociais. Houve também reclamações contra tiros feitos a partir da aeronave que atingiram telhados de casas na região.

Projeto na Maré coloca aviso em teto de unidade: "Escola. Não atire."

A política de confronto também vitima os policiais. Em 2019, até 9 de maio, segundo a Polícia Militar, 18 policiais da corporação haviam sido mortos - 3 em serviço, 11 de folga e 4 reformados.

Angra

Dois dias antes da ação na Maré, Witzel postou vídeos no Twitter expondo na prática sua política de confronto. Apresentou imagens da sua participação em uma operação policial em Angra dos Reis, na Costa Verde do Estado. Há meses, o tráfico de drogas na cidade do sul fluminense é disputado por criminosos de facções rivais. A ação policial não teve resultados significativos.

Com policiais armados da Core (Coordenadoria de Operações Especiais) da Polícia Civil - mesma unidade que agiu na Maré -, ostentando fuzis e com um helicóptero ao fundo, Witzel anunciou que ia "botar fim na bandidagem". "Acabou a bagunça", bradou. Depois, contou estar "sobrevoando uma das áreas mais perigosas" do município.

Comissão da Alerj denuncia Witzel à OEA por política de segurança

Para a antropóloga e cientista política Jacqueline Muniz o envolvimento de Witzel em ações policiais é ilegal. "Ele dispõe de poder político-administrativo, não de poder de polícia. Ele tem de determinar a política de segurança, as estratégias, as prioridades. Toda brincadeira que ele faz como policial esbarra na ilegalidade e no abuso de poder."

São Paulo

Policiais do Estado de São Paulo mataram 213 pessoas suspeitas em operações no primeiro trimestre deste ano. A quantidade representa uma alta de 8% em relação ao mesmo período do ano passado.

Em nota, o governo do Rio afirmou que "sua política de segurança é baseada em inteligência, investigação e aparelhamento das Polícias Civil e Militar".

"O COE (Comando de Operações Especiais) da Polícia Militar trabalha com atiradores de elite há vários anos. Os efetivos do COE são constantemente treinados. Todas as operações, com a participação de atiradores de alta precisão ou não, são precedidas de planejamento técnico e seguem protocolos previstos em lei", diz a nota, acrescentando que há a exigência de instauração de procedimento apuratório quando as ações resultam em mortes.

O Estado diz que está valorizando seus policiais e vem investindo em equipamentos policiais como coletes, viaturas e armamentos. "Três mil PMs serão convocados até o fim do ano."

Fonte: Do R7

Veja também:
Pistoleiro acusado de matar policial paraguaio é preso na fronteira
Vereador de Maricá e filho são mortos a tiros em casa Cidade fica na Região Metropolitana do Rio de Janeiro
Polícia Civil deflagra operação contra o crime organizado em 7 cidades de MS
Durante perseguição em rodovia, policiais atiram contra pneu de carro de traficante
Homem é preso com cocaína em “mocó” de veículo
Jovem é executado dentro do carro por pistoleiros na fronteira
Polícia vai a 135 endereços em busca de acusado de matar ator
Condenado por roubo, defensor de MS segue na função com salário de R$ 35 mil
Filha de Flordelis diz em depoimento que Anderson tentou abuso sexual
DOF: Mineiro acerta 'cavalo' para buscar maconha pelo Facebook e acaba preso
Para pagar dívida do ex com o tráfico e salvar filhos de morte, jovem aceita transportar drogas e acaba presa
Chefão do tráfico é condenado a 59 anos e quadrilha perde três aviões
Operação Kratos: Polícia prende cinco e apreende armas e drogas em ação
PRF: Operação apreende 1,5 milhão de carteiras de cigarros contrabandeadas
Justiça nega habeas corpus para Abdelmassih voltar à prisão domiciliar
Corpo de empresário sequestrado é encontrado esquartejado
Justiça decreta prisão preventiva de dois filhos de Flordelis
Homem recebe mensagem da ‘amiga’ e perde R$ 20 mil em golpe do Whatsapp clonado
Mulheres são presas furtando supermercado no centro
Carro 'recheado' de maconha é apreendido após colidir contra barranco
Raptado dentro da própria casa é encontrado esquartejado em distrito
Presos fazem agente refém em prisão da Lava Jato em Pinhais (PR)
Laudo sugere que cacique indígena morreu afogado
Procurado pela polícia de SP é executado em Ponta Porã
Agiota mente para policiais e acaba preso com armas de fogo durante operação
Detento cospe no rosto e ameaça matar família de policial
Brasileiro e preso com carga de cocaína na fronteira
Operação apreende 19 veículos adaptados para contrabando e tráfico de drogas
Populares encontram corpo com sinais de tortura e executado a tiros na região do rodoanel em Ponta Porã
Polícia apreende veículo com quase 40 quilos de maconha
Carro roubado em sequestro-relâmpago no Centro é recuperado com traficantes
Bando invade Correios para roubar pelo ar-condicionado e vai preso
DOF: 'Batida' apreende jaquetas e pneus contrabandeados
Comerciante é executado a tiros na fronteira
Golpista usou cartão de vítima para pagar R$ 10 mil em imposto
Maracaju: Homem é preso após ser flagrado transportando 720 pacotes de essência de narguilé contrabandeados
Foragido da Justiça morre em confronto com a polícia em Dourados
Polícia de SP apreende caminhão com munições, fuzis e entorpecentes
Em abordagem, polícia apreende cocaína em Mercedes guinchada
Estudante morre ao ser baleado com tiro no peito na Tijuca, no Rio
Justiça autoriza transferência de Lula do Paraná para São Paulo
Homem é executado em estrada vicinal
Morador da Capital cai em golpe de venda de carro pela OLX e perde R$ 35 mil
Integrante do PCC é encontrado morto em cela da Máxima
Detento de MS estava envolvido em arrecadação de até R$ 1 milhão por mês para o PCC
Veiculo e incendiado com uma pessoa dentro do anel viário de Ponta Porã
Homem é preso em flagrante furtando picanha
Concluída transferência de presos, após rebelião em Altamira
Um oficial de alfândega em Pedro Juan Caballero é morto a tiros
Casal é agredido e amarrado por bandidos durante roubo
Dupla rouba conveniência, troca tiros com dono e é presa em árvore
Bandidos trocam tiros com dono de conveniência durante assalto na Três Barras
Motorista que saiu de MS com arma e 50 quilos de cocaína é preso em SP
Defron apreende 20 Kg de maconha e prende 2 por tráfico
"Olheiro" e comparsa são presos com 300 caixas de cigarros contrabandeados
Dupla foi presa quando deixava casa com meia tonelada de maconha em carro
Maconha apreendida em equipamentos agrícolas pesou mais de 3t
Homem é preso com 22 mil dólares amarrados nas pernas
Pai e filho de 7 anos são sequestrados e passam madrugada em cárcere
Quadrilha que esquentava carros de luxo pode ter causado prejuízo de R$ 10 milhões
Grupo de extermínio pode ter pelo menos quatro guardas municipais
Polícia prende condenado a 12 anos de prisão por estuprar enteada de 7
Quadrilha com PRF’s e político segurava até 70% das apreensões de cigarros em MS
Não mostrou arrependimento, diz delegada sobre pintor que se enforcou após matar a ex
Bandidos morrem em tentativa de sequestro frustrada pelo Choque
Foragido por estupro, falso policial que aplicava golpes é preso
Suspeito de matar mulher asfixiada é encontrado morto em cela na Deam
Adolescente de 15 anos engole 45 cápsulas de cocaína
Contrabandistas são presos com cigarros e R$ 100 mil
Três são presos com AK-47 e 1,5 tonelada de maconha em MS
Encontrado morto em mata já havia escapado 1 vez do "tribunal" do PCC
Final de semana movimenta bombeiros militar de Ponta Porã com ocorrências e acidentes
Polícia prende terceiro suspeito de roubo de ouro em Guarulhos
Polícia procura por pistas de jovem desaparecida no interior do MS
Quadrilha roubou 720 kg de ouro no Aeroporto de Guarulhos, em São Paulo, e não disparou um tiro
Homem que matou ex enforcada está foragido há um mês e não quer ser preso, disse advogado
Internacional: Guarda costeira dos Estados Unidos apreende 12 toneladas de cocaína
Bêbado, avô acerta rapaz de 19 anos com golpes de facão em Campo Grande
Internacional: Corpo encontrado do agricultor brasileiro Dilson Bello por sequestradores no Paraguai
Motorista tenta enganar polícia mas é preso durante operação da BPTran
Pesquisa Google
Pesquisa Google
Previsão do tempo
Publicidade
<
Copyright 2006 - 2019 JDCNotíciasMS. Todos os direitos reservados. Permitida a reprodução desde que citada a fonte.